English

CIn - Centro de Informática UFPE




Eventos Relacionados

Defesa de Dissertação de Mestrado Nº1.723: "SIMF: UM FRAMEWORK DE INJEÇÃO E MONITORAMENTO DE FALHAS DE NUVENS COMPUTACIONAIS UTILIZANDO SPN"

A aluna Aline Santana Oliveira irá defender seu trabalho no dia 25 de agosto, às 10h, na Sala D220 Início: 25/08/2017 às 10:00 Término: 25/08/2017 às 12:00 Local: Sala D220

 Pós-Graduação em Ciência da Computação – UFPE

Defesa de Dissertação de Mestrado Nº 1.723

Aluno: Aline Santana Oliveira
Orientador: Prof. Paulo Romero Martins Maciel
Título: SIMF: UM FRAMEWORK DE INJEÇÃO E MONITORAMENTO  DE FALHAS DE NUVENS COMPUTACIONAIS  UTILIZANDO SPN
Data: 25/08/2017
Hora/Local: 10h – Centro de Informática – Sala D220
Banca Examinadora:
Prof. Nelson Souto Rosa (UFPE / Cento de Informática)
Prof. Rosangela Maria de Melo (IFPE / Departamento de Informática)
Prof. Paulo Romero Martins Maciel  (UFPE / Centro de Informática)


RESUMO:

Este Trabalho, apresenta um framework de injeção e monitoramento de falhas, que utiliza
rede de Petri Estocástica (SPN) como um mecanismo para tais ações em plataformas de nuvem.
Para entender esta pesquisa, utilizou-se duas abordagens: a primeira foi o ambiente Tradicional
e a segunda denominada ambiente Proposto. O ambiente tradicional, foi baseado em estudos
de ferramentas de injeção e monitoramento de falhas existentes na academia, com enfâse na
área de dependabilidade. Percebeu-se que estas ferramentas tornavam-se inutilizadas com o
tempo, devido o escopo limitado no qual foram concebidas. Isto ocorre, devido ao fato de que
muitos pesquisadores, desenvolvem modelos formais (CTMC, RBD ou rede de Petri), a fim
avaliar sistemas, destes modelos surge o interesse em desenvolver ferramentas para validar os
mesmos em um cenário real. Entretanto estas ferramentas, em sua maioria, são desenvolvidas
com base em um modelo especifico, cenário, software e etc. Tornando sua reutilização limitada
e dispendiosa para uma futura análise. O ambiente desta pesquisa, no qual caracterizamos como
proposto, visa diminuir o retrabalho por partes dos pesquisadores, fazendo uso de uma ferramenta que não é baseada em um determinado modelo e sim o mecanismo para avaliar sistemas.
A ferramenta SIMF não foi desenvolvida levando em consideração plataformas ou
formalismos matemáticos, mas sim, como um mecanismo de disparo de falhas e reparos em uma infraestruturas de nuvem utilizando SPN. A utilização de tal modelo para este fim, não interfere
no ferramental em si, visto que o pesquisador pode avaliar vários modelos SPN em diferentes
plataforma de nuvem utilizando uma única ferramenta. SIMF possui um monitor, que informa
ao usuário o status da rede no período da ocorrência dos disparos de falha, além de um contador
que armazena o tempo de atividade e inatividade da rede.
O modelo SPN, usado como mecanismo de injeção de falha, irá diminuir o tempo de
teste e o retrabalho dos pesquisadores para analise de disponibilidade em ambientes de nuvem. A ferramenta SIMF, citada neste trabalho, foi executada em testes que comprovaram sua eficiência e eficacia.

Palavras-chave: Rede de Petri Estocástica. Injeção de Falha. Computação em nuvem. Monitoramento.
Dependabilidade

  • © Centro de Informática UFPE - Todos os direitos reservados
    Tel +55 81 2126.8430 - Cidade Universitária - 50740-560 - Recife/PE
Plano4 Consultoria Web