English

CIn - Centro de Informática UFPE




Eventos Relacionados

Defesa de Tese de Doutorado Nº 379: "Contextual Goal Models for Dynamic Software Product Lines"

A aluna Gabriela Guedes de Souza irá defender sua tese no dia 14 de setembro, às 13h, no Anfiteatro Início: 14/09/2017 às 13:00 Término: 14/09/2017 às 15:00 Local: Anfiteatro do CIn

Pós-Graduação em Ciência da Computação – UFPE
Defesa de Tese de Doutorado Nº 379

Aluno: Gabriela Guedes de Souza
Orientador: Profa. Carla Taciana Lima Lourenço Silva Schuenemann
Título: Contextual Goal Models for Dynamic Software Product Lines
Data: 14/09/2017
Hora/Local: 13h – Centro de Informática – Anfiteatro
Banca Examinadora:
Prof. Jaelson Freire Brelaz de Castro (UFPE / Centro de Informática)
Prof. Leopoldo Motta Teixeira (UFPE / Centro de Informática)
Prof. Fernanda Maria Ribeiro de Alencar (UFPE / Departamento de Eletrônica e Sistemas)
Prof. João Baptista da Silva Araújo Junior (Univ. Nova de Lisboa / Departamento de Informática)
Prof. Uirá Kulesza (UFRN / Departamento de Informática e Matemática Aplicada)

Abstract:

[Context] Dynamic Software Product Lines (DSPLs) are SPLs in which the configuration occurs at runtime. DSPL approaches provide means for modelling variability and a configura-tion process for binding variability according to runtime context and/or non-functional re-quirements (NFRs). However, taking various contexts and NFRs into account may result in multiple, and sometimes conflicting, possible configurations. Most of DSPL approaches do not provide means for prioritizing possible configurations in order to select one of them. [Ob-jective] In this work, we propose a Requirements Engineering (RE) approach for DSPL, ConG4DaS (Contextual Goal models For Dynamic Software product lines), which provides: (i) models for capturing variability with goals, NFRs, contexts and the relationship between them; and (ii) a configuration process that takes contexts, NFRs and their priority and interac-tions into account. [Method] We have used simulation based assessment to compare ConG4DaS with another approach with respect to the satisfaction level of the highest priority softgoal. We simulated several different contexts of two DSPL examples and compared the configurations generated by both approaches. We also performed a survey, using an online questionnaire, with RE and DSPL researchers to evaluate ConG4DaS perceived usefulness. [Results] In the simulation based assessment, in the configurations selected by ConG4DaS the number of positive contributions and the difference between the numbers of positive and negative contributions to the highest priority softgoal are greater than in the other approach, in most cases. In the survey, both groups of researchers (RE and DSPL) perceived ConG4DaS as useful for modelling and configuring DSPL variability. But the RE group gave more positive answers than the DSPL group.

Keywords: Requirements Engineering, Dynamic Software Product Lines, Goal Models, Adaptive Systems

Resumo

[Contexto] Linhas de Produto de Software Dinâmicas (LPSDs) são LPSs em que a configuração ocorre em tempo de execução. Abordagens para LPSD proveem meios para modelar variabilidade, além de um processo de configuração para amarrar a variabilidade de acordo com mudanças no contexto e/ou requisitos não-funcionais (RNFs) em tempo de execução. Contudo, levar em conta contextos e RNFs pode resultar em múltiplas configurações possíveis, às vezes conflitantes. A maioria das abordagens para DSPL não possuem uma maneira de priorizar essas possíveis configurações para poder selecionar uma delas, e aquelas que possuem não levam em conta a prioridade dos RNFs para o contexto atual. [Objetivo] Neste trabalho, propõe-se uma abordagem de Engenharia de Requisitos (ER) para LPSDs, chamada ConG4DaS (do inglês, Contextual Goal models For Dynamic Software product lines), que provê: (i) modelos para capturar variabilidade usando objetivos, RNFs, contextos e seus relacionamentos; e (ii) um processo de configuração que leva em conta contextos, RNFs e suas prioridades e interações. [Método] Foi feita uma avaliação baseada em simulações para comparar ConG4DaS com outra abordagem, com respeito ao nível de satisfação do softgoal prioritário. Foram simulados vários contextos diferentes de dois exemplos de LPSD e comparou-se as configurações geradas pelas duas abordagens. Também foi realizada uma pesquisa, usando questionário online, com pesquisadores de ER e LPSD para avaliar a utilidade percebida de ConG4DaS. [Resultados] Na avaliação baseada em simulações, o número de contribuições positivas para o softgoal prioritário e a diferença entre o número de contribuições positivas e negativas para o mesmo softgoal eram maiores nas configurações escolhidas por ConG4DaS do que nas configurações da outra abordagem, na maioria dos casos. No questionário, os dois grupos de pesquisadores (tanto de ER, como de LPSD) perceberam ConG4DaS como útil para modelagem e configuração da variabilidade de LPSD. Entretanto, no grupo de ER houve mais respostas positivas do que no grupo de LPSD.

Palavras-chave: Engenharia de Requisitos, Linhas de Produto de Software Dinâmicas, Modelos de Objetivos, Sistemas Adaptativos.
  • © Centro de Informática UFPE - Todos os direitos reservados
    Tel +55 81 2126.8430 - Cidade Universitária - 50740-560 - Recife/PE
Plano4 Consultoria Web